férias-em-casa_03Manter as crianças ocupadas durante as férias não é uma tarefa nada fácil. Todas as promessas de passeios, viagens e de tudo mais que os pais sempre prometem realizar quando chegar as férias, geram ansiedade nos pequenos. 

As crianças parecem incansáveis e mantê-las ocupadas e alegres é um desafio. O que fazer para gastar toda a energia acumulada?

Há muitas escolas e até buffets infantis que promovem atividades em períodos parciais ou integrais. São uma opção para pais que não tem como sair de férias no mesmo período de recesso escolar.

Mas se possível, crie um cronograma de atividades, passeios e tarefas a cada dia das férias – ou semanal – para que a criança possa realizar. Não deixe de incluir coisas que devem ser feitas por ela em casa (como organizar o seu quarto, os brinquedos, por exemplo), se for uma criança com faixa etária maior. Isso ajuda a criar senso de responsabilidade.

Não é necessário sair de casa todos os dias. Há muitas brincadeiras que podem ser organizadas em casa e incluir os coleguinhas é também uma ótima opção. Convide aqueles com os quais seu filho tem mais interação para montar jogos de tabuleiro, teatrinhos de contação de histórias (em que cada um é um personagem), saraus de leitura, e ainda promover um dia “Gourmet” sob sua supervisão, incentivando a uma atividade na cozinha (fazer um bolo, por exemplo). Também dá pra organizar competições, como jogo de mímica, e uma sessão cinema em casa com direito a pipoca e suco.

Ir ao Clube (se vocês são sócios de um), passeios em parques para andar de bicicleta ou fazer um piquenique são ideias legais. Combine com outras mães e você pode ter uma tarde divertida tanto para os pequenos quanto para vocês. Se tiver uma viagem programada, promova momentos  de brincadeiras durante a própria viagem.

férias-em-casaNão centre as atividades das crianças com passeios e alimentação em shopping. Uma atividade saudável para criança não deve estar vinculada apenas aos centros comerciais, comida “fast-food” e consumo. Busque por alternativas mais interessantes e saudáveis como, se for para ir ao shopping, faça-o para ver um filme ou alguma coisa bacana que esteja acontecendo por lá – como exposições infantis, atividades de recreação, etc. Mas evite fazer das férias um “acampamento” no shopping.

Passar uns dias com os avós também pode ser uma opção – sempre considerando a idade, condição física e disponibilidade dos avós. E com suporte e sem exagero – para não sobrecarregá-los.

Tente evitar que a criança fique durante um longo período divertindo-se com jogos eletrônicos (computadores, videogame, entre outros). Não estamos falando de proibir, mas de balancear o uso, priorizando atividades que propiciem à criança movimento e interação mais real que virtual – e muito mais saudável.

férias-em-casa_04Algumas crianças, desde pequenas, preferem brincar sozinhas ou se satisfazem com a presença dos pais e irmãos. Junto dessas, você pode ler, montar brinquedos, organizar uma oficina de pintura ou outras atividades manuais. E também pode deixar a criança sozinha, sempre com supervisão e não exatamente sozinha – muitas precisam de espaço e tempo consigo mesmas, e não há nenhum problema nisso.

Aliás, reserve tempo para as crianças descansarem – férias também é sinônimo de pausa e descanso!

A ideia é entreter, brincar, mas também deixá-los mais livres de horários e atribuições e, se possível, passar mais tempo com as crianças e juntos perceber como o período de férias pode, além de divertir,  ajudar a estreitar os laços familiares.


Veja no site os brinquedos Dani Lessa para as crianças se divertirem!

chuva


Por Agência DB

Related posts

Comentário (1)

  • Sonia Bocuzzi

    Muito bom o texto. Parabéns Dani Lessa!!
    Bjs.

Escreva um comentário

× Como posso te ajudar?